Gráficos de Velas (Candlesticks)

0
487

Manual completo dos gráficos de velas acompanhado de muitos exemplos gráficos e interpretações.

Introdução aos gráficos de velas

Este tipo de gráficos é conhecido como sendo o mais antigo gráfico usado para determinação dos preços. Já em 1700 os Japoneses usavam este tipo de gráficos para determinar o preço do arroz. Munehisa Homma comerciante de arroz utilizou esta técnica nas suas operações, tendo ganho uma fortuna a partir deste tipo de análises. Dizem que conseguiu fazer mais de 100 operações com sucesso a partir deste tipo de análises.

Interpretação

Para se construir um gráfico de velas é necessário termos, o preço de abertura, o preço mais alto, o preço mais baixo e o preço de fecho.

Gráficos de Velas

O corpo da vela chama-se corpo real, e representa um range entre o preço de abertura e o preço de fecho.

Uma negra numa vela significa que o fecho de uma sessão é mais baixo que a abertura e quando a vela é branca significa que o preço de fecho é mais alto que o preço de abertura.

A linha vertical mais fina chama-se sombra, a qual pode ser em sentido ascendente e que significa o máximo do dia, ou em sentido descendente que significa o mínimo do dia.

Comparação de um gráfico de barras com um de velas:

Se temos uma vela negra é um sinal de baixa, se temos uma vela branca é um sinal de alta, claro está tudo dependendo da sua extensão. Como facilmente se pode constatar, para um gráfico de velas é fácil determinar com um simples olhar, se o preço de fecho é mais alto ou mais baixo que o de abertura.

Terminologia utilizada nas velas

Vela negra: quando o fecho é mais baixo que a abertura:

Vela Branca: quando o fecho é mais alto que a abertura:

The Shaven Head: uma vela sem a sombra superior.

The Shaved Bottom: uma vela sem a sombra inferior.

Spininning Tops: são velas com corpos reais pequenos, estas representam um equilíbrio entre os bulls e os bears e podem ser negras ou brancas.

Doji Lines: não têm nenhum corpo real, simplesmente uma linha horizontal, o que significa que a abertura e o fecho foram o mesmo valor, ou um valor muito aproximado:

Modelos de Reversão

Existem muitos analistas que tentam ver nos gráficos duplos tectos, duplos fundos, cabeças e ombros e indicadores técnicos para determinarem uma sinal de mudança na tendência, também nas formações com velas se podem tentar tirar as mesmas conclusões. Uma mudança nem sempre significa que a tendência de alta/baixa mude de direcção, mas sim que a direcção actual pode ter acabado, pois o mercado pode decidir rumar num sentido lateral. Por isso velas idênticas podem ter significados diferentes, para isso devemos sempre olhar para formações e tendências anteriores.

Hammer (Martelo)

E uma vela com uma sombra baixa comprida e o corpo real pequeno. O corpo pode ser negro ou branco. Mas o essencial é que esta vela ocorra dentro de uma tendência de baixa ou num mercado oversold para ser considerado um martelo. Um martelo que apareça num contexto de baixa ligeira, ou numa baixa de 2 ou 3 dias não é considerado importante. Quanto mais comprida a sobra mais fiável será a figura:

 

Inverted Hammer (Martelo invertido)

E parecido com uma estrela, quando ocorre dentro de uma tendência de baixa deve ser levado em consideração. A cor não é um factor critico.

Hanging Man (homem enforcado)

E idêntico ao martelo, mas aparece dentro de uma tendência de alta. Corpo real pequeno, branco ou negro e com uma sombra inferior muito comprida. Normalmente usa-se para confirmar uma baixa, desde que o fecho da sessão seguinte fique por debaixo do corpo real do Hanging Man, quando isto se passa significa que todo aquele que comprou na abertura ou no fecho do Hanging Man está nesta altura a perder dinheiro. Perante este panorama, os longos podem decidir fazer mais valias e arrastar assim o mercado para baixo.

Shooting Star

Consiste num corpo real pequeno situado no extremo mais baixo do range e com uma sombra superior comprida. A cor do corpo não tem muita importância. Não é considerado uma sinal de mudança, mas sim uma advertência.

Engulfing Patterns (Bullish)

Quando temos uma pauta envolvente de duas velas. A vela de alta forma-se quando durante uma tendência de baixa, um corpo real branco envolve um negro. A definição básica de uma pauta envolvente é que o segundo corpo real deve envolver um outro corpo real qualquer que seja a cor, ou seja, é quando a 1.º vela é pequena e o corpo da segunda é grande e envolve a anterior, incluindo as sombras. Normalmente costuma ser encarado como um sinal de alta.

Enfulfing Patterns (Bearish)

Quando temos uma pauta envolvente de duas velas. A vela de alta forma-se quando durante uma tendência de alta, um corpo real negro envolve um branco. È encarado como sendo um sinal de baixa.

Dark-Cloud Cover (Bearish )

O mercado nestes casos tem poucas oportunidades para subir. A vela anterior á Dark- Cloud Cover é uma vela branca forte. Na sessão seguinte o mercado abre por cima da anterior mas cai, e acaba por fechar abaixo do centro da sessão anterior. Quanto mais abaixo feche da vela anterior, mais baixista é a confirmação. No caso de o fecho ser feito acima da metade, normalmente é esperado pelos analistas que na sessão seguinte os preços encerrem por debaixo para ser dada a confirmação.

Piercing Pattern (Bullish)

Ocorre dentro de uma tendência de baixa. A primeira vela tem um corpo real negro e a segunda tem um corpo real branco e comprido. No dia em que se forma a branca o dia abre agudamente em baixo, junto ao ponto mais baixo do dia anterior. Então o preço acaba por fechar no centro do corpo real negro do dia anterior.

Harami

E formado por um corpo real comprido e um outro curto dentro do seu range. O Harami é o contrário de uma pauta envolvente. O Harami pode ser de qualquer cor, sendo que todas as combinações chamam-se Harami, mesmo que este se processe depois de uma tendência de baixa, um Harami negro- branco ou branco-branco é considerado mais altista que um branco-negro ou negro-negro. Isto deve-se ao facto de uma vela branca comprida ser considerada um sinal de alta por si mesma, pelo que a sua aparição num Harami aumenta a possibilidade que um mercado de baixa se esgote.
Para que a figura seja fiável é necessário que:

  1. O segundo corpo real esteja no meio da banda de flutuação do primeiro corpo real. Se depois de uma subida, o segundo corpo real de um Harami estiver próximo do extremo superior do primeiro corpo real, o mais provável é que o mercado vá lateralizar em vez de retroceder. Se está abaixo o mais provável e retroceder.
  2. Se o corpo real e sombras estiverem dentro de um corpo real antecedente há possibilidades de retrocesso.
  3. Quanto mais curto seja o corpo real e sombras da segunda vela melhor. Óptimo seria que fosse um Doji.

Stars (Estrelas)

Dão origem a um gap , pois abrem acima do fecho da sessão anterior. A cor não é demasiado importante, pois estes podem ocorrer em topos ou fundos.

Morning Star (Estrela Matinal)

Este é um modelo de reversão de fundo altista. Para esta formação é necessário 3 velas. A primeira vela é uma negra comprida, tendo com vela seguinte uma star de cor diferente. A terceira vela é um corpo real branco maior que o corpo real negro da primeira.

Mornig Doji Star (Estrela de Doji Matinal)

Euma estrela de Doji numa tendência de baixa seguido por um corpo real branco comprido, que fecha dentro do corpo real negro anterior. Se a vela seguinte á estrela de Doji for negra e os buracos baixem, o efeito bull do Doji fica inválido. Normalmente dá um sinal de alta.

Evening Star (estrela de fim de tarde)

São necessárias 3 velas, a primeira vela branca desemboca numa segunda vela de corpo real pequeno que pode ser de qualquer cor, tendo em atenção que o primeiro corpo e o segundo não se tocam. A terceira vela costuma ser um corpo real negro que normalmente não toca o segundo corpo e fecha dentro da vela branca que é classificada como sendo a primeira neste esquema.

Doji Star evening (estrela de Doji de fim de tarde)

Consiste numa estrela de doji em uptrend seguido de um corpo real negro e comprido, que encerra em paridade com o corpo real banco precedente. Se a vela a seguir á estrela de Doji é uma vela branca e tem um buraco em alta, então o Bear de Doji é inválido.

Doji Stars (estrelas de doji)

Quando um Doji abre acima de um corpo real num uptrend, ou quando abre abaixo de um corpo real num mercado downtrend, a estes casos particulares chamam-se Doji Stars.

Conclusão

Num mercado real muitas destas formações isoladamente não vão ter aplicações, será pois necessário conjugar este tipo de formações especificas com as formações clássicas de Dow, para isso aconselha-se a ler outro tipo de formações tais como Triângulos, Rectângulos, Bandeiras, duplos fundos/topos, cabeças e ombros, noutro tipo de compilações.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here