Como se formam as varizes?

0
359

Semelhantes a caminhos tortuosos ao longo da perna, de uma cor azulada ou avermelhada, as varizes decorrem de uma insuficiência valvular na circulação sanguínea. O que se passa é que as veias ficam incapacitadas de cumprir o seu papel na circulação sanguínea, ou seja, de levar o sangue de regresso ao coração.

Vejamos como tudo funciona: o sistema circulatório é composto por artérias e por veias, cabendo às primeiras transportar o sangue arterial, enriquecido com oxigénio, do coração para os restantes órgãos, tecidos e células do corpo humano. A tarefa das veias é fazer a circulação sanguínea de retorno, devolvendo ao coração o chamado sangue venoso (onde abundam os detritos orgânicos), para aí ser renovado.

Exemplo de varizes

Dada a verticalidade do corpo humano, o sangue arterial chega aos pés pela simples ação da gravidade. Já a “subida” de regresso ao coração é mais difícil, pois é necessário “empurrar” o sangue no sentido dos pés para a cabeça. Mas o corpo humano está preparado de origem, graças a um conjunto de válvulas existentes nas veias e que se abrem apenas para permitir a passagem do sangue no sentido ascendente, impedindo assim o seu refluxo.

Quando as veias dilatam, esta função já não é cumprida: o sangue cai, acumulando-se nas pernas. Em consequência, aumenta a pressão sobre as veias superficiais, que dilatam, dando assim origem às varizes.

Fique a saber mais sobre as varizes:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here