O Clubhouse chega ao Android em versão beta

Depois de ser exclusivamente disponível no iOS durante um ano, a aplicação Clubhouse está a fazer a sua primeira evolução para o Android nos EUA.

Como previsto há alguns meses, o Clubhouse anunciou ontem o lançamento da sua aplicação no Android. Se estava exclusivamente disponível no iOS durante um ano, chega agora ao Google Play para os utilizadores americanos. Existe, de momento, apenas em versão beta.

Clubhouse chega ao Android nos Estados Unidos

Boas notícias para os proprietários de smartphones Android que têm estado à espera da chegada do Clubhouse.

A aplicação de chat áudio, que procura expandir um pouco mais a sua base de utilizadores, está a chegar ao Google Play Store.

“Com o Android, pensamos que o Clubhouse será mais completo. Agradecemos a todos os utilizadores de Android pela sua paciência”, diz a empresa.

Clubhouse no Android será implantado nas próximas semanas em Portugal
Clubhouse será implantado no Android nas próximas semanas em Portugal

“Quer seja um criador, um organizador de salão ou alguém que apenas queira explorar, estamos entusiasmados por lhe dar as boas-vindas à comunidade”, declara o Clubhouse.

No entanto, o aplicativo está, de momento, apenas disponível nos Estados Unidos.

Ainda é possível fazer o pré-registo no Google Play Store para o descarregar assim que estiver disponível em Portugal.

No entanto, uma vez feito isto, terá de ser convidado por alguém que já utilize o Clubhouse para aceder ao serviço.

O objetivo não é sobrecarregar os servidores de uma só vez, mas também manter o caráter exclusivo da aplicação.

Está prevista uma abertura geral, e portanto sem convite, para este Verão.

A competição está a tornar-se cada vez mais dura para a aplicação

A aplicação teve uma ascensão fulgurante graças às suas salas de conversação áudio.

Popularizou este formato ao longo dos últimos meses, ao ponto de vermos réplicas dele em cada plataforma.

De facto, todos eles têm trabalhado arduamente para desenvolver um serviço de áudio.

O Facebook anunciou recentemente muitas ferramentas novas deste tipo e o Twitter lançou Espaços para novos utilizadores.

Por outro lado, Discord e Reddit lançaram, cada um deles, uma característica diretamente inspirada do Clubhouse.

Slack e LinkedIn estão também a trabalhar numa ferramenta semelhante.

O Clubhouse tinha obtido muito sucesso durante a pandemia, mas está lentamente a perder dinamismo.

Nos últimos meses, muitos utilizadores deixaram o serviço para novos horizontes oferecidos por outras plataformas.

Para remediar a este declínio nos downloads, o Clubhouse anunciou o lançamento do programa Creator First, para ajudar os criadores a rentabilizar o seu conteúdo, mas também para os manter na sua plataforma.

Deixe um comentário