Google Earth: regresse a 1984 e descubra a evolução da Terra

O lançamento do Timelapse no Google Earth permite visualizar a evolução da superfície do globo ao longo das últimas 4 décadas.

Timelapse do Google Earth

Anunciado hoje através de um blog post, o Google apresenta o Timelapse, a mais recente funcionalidade do Google Earth.

Esta grande atualização torna possível observar o nosso planeta através de uma visão temporal sem precedentes que remonta a 37 anos atrás.

20 milhões de fotos de satélite

Esta nova visão temporal é na realidade uma compilação de 20 milhões de fotografias de satélite tiradas ao longo dos últimos 37 anos.

Quando colocados em conjunto, permitem-nos recriar um efeito de lapso de tempo visto do espaço, e observar as mudanças na superfície do globo.

Observe a diferença que o povo Suruí fez na proteção da floresta tropical amazónica à qual consideram como as suas terras em Rondónia, Brasil
Acompanhe a expansão de Las Vegas, Nevada

As mudanças notáveis que podem ser observadas ao longo do tempo são diversas: urbanização, desflorestação e aquecimento climático.

O Google propõe descobrir estas mudanças através de “visitas guiadas” divididas em 5 grandes temas.

Acessível a partir do Google Earth

A funcionalidade está disponível para todos os utilizadores, e pode ser lançada diretamente a partir do Google Earth.

Para ativar o modo Timelapse, basta clicar no ícone da roda do barco no explorador Google Earth.

Mais de 800 vídeos 2D e 3D estão disponíveis na página dedicada do Google.

Estes vídeos estão disponíveis em formato MP4, ou simplesmente disponíveis no YouTube.

Já podemos imaginar que as utilizações desta nova ferramenta serão múltiplas, e a Google faz várias suposições sobre a utilização do Timelapse:

  • Descoberta: para descobrir paisagens exóticas distantes, que têm evoluído ao longo dos anos.
  • Sensibilização: para ter consciência do impacto do homem na natureza, e das mudanças climáticas resultantes.
  • Inspiração: utilizar imagens do Timelapse em projetos artísticos ou educativos.
A urbanização é um dos principais fenómenos observados no Timelapse – Kuwait City, Koweit

37 anos de imagens de satélite já estão disponíveis no Google Earth, e o Google está empenhado em fornecer novas imagens durante os próximos 10 anos, no mínimo, cada vez que são recebidas imagens de satélite.

Com esta nova funcionalidade, a Google aproveita a oportunidade para recordar o seu compromisso com causas simbólicas: “Queremos manter o nosso compromisso de permitir que todos se envolvam na luta contra as alterações climáticas”.

Deixe um comentário